.posts recentes

. Bibliotecários e Produção...

. Relógio D`água-editores L...

. Maria de Lourdes Pintasil...

. Patron Driver Adquistion

. ZOTERO

. O conceito de "UNO" em Pl...

. 25 Xulio Dia da Pátria Ga...

. Elogio ao meu amigo Gaspa...

. Portugal e a Bicicleta

. Livros proibidos

.arquivos

. Agosto 2017

. Julho 2017

. Junho 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Maio 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Outubro 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Novembro 2007

. Setembro 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Fevereiro 2005

. Janeiro 2005

.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Domingo, 20 de Agosto de 2006

LITERACIA DIGITAL

Apesar de serem dados referidos a Maio, são importamtes para se ter uma ideia do consumo de informação digital. Por isso não quis deixar de os referir aqui.
António Regedor

O DD continua a liderar o segmento dos jornais exclusivamente online.
O Público online manteve-se como o jornal online mais acedido a partir de casa, com 239 mil utilizadores únicos,
seguido pela Bola online, com 236 mil utilizadores.
Em terceiro lugar surge o Record online, com 204 mil utilizadores únicos.
O Diário Digital foi em Maio o quarto jornal online mais visitado, com 185 mil utilizadores únicos
O Jogo online subiu à quinta posição, com 165 mil utilizadores únicos.

Em páginas visitadas, a liderança continua a ser dos desportivos.
O A Bola online destaca-se, com mais de 13 milhões de páginas,
seguido do Record online, com mais de 6,5 milhões
e do Jogo, com 5,8 milhões.
Em quarto lugar está o Expresso online, com 3,8 milhões de páginas, e, em quinto, o Correio da Manhã online (3,3 milhões).

Em Maio, foram 774 mil os portugueses que acederam a partir de casa a sites de jornais, revistas e de informação online,
169 mil utilizadores únicos por dia,
Foram visitadas cerca de 50 milhões de páginas de sites noticiosos no mês,.
O tempo total de navegação nestes sites superou as 745 milhões de horas,

Fonte: Diário Digital (estudo Netpanel da Marktest em Maio)
publicado por antonio.regedor às 23:03
link do post | comentar | favorito
|

NOTICIAS DA SOCIEDADE DO CONHECIMENTO

Cientistas replicam cérebro humano em computador
--------------------------------------------------------------------
O objectivo é perceber o modo de interacção dos neurónios humanos e a forma como contornam falhas, permitindo que o cérebro continue a funcionar. Espera-se que os resultados da experiência sejam aplicados ao desenvolvimento de equipamentos electrónicos. (2006-07-13)
Desenvolvimento: http://tek.sapo.pt/4I0/680186.html



Acesso à Internet em casa aumenta 30% no primeiro semestre
----------------------------------------------------------------------------
Entre Janeiro e Junho deste ano os internautas portugueses passaram cerca de 94 milhões de horas a navegar na Internet a partir de casa, aumentando em 30,8% o tempo de uso da rede em relação ao semestre homólogo. (2006-07-12)
Desenvolvimento: http://tek.sapo.pt/4Q0/679801.html

Portugal entre os quatro países da UE com menor literacia digital
-------------------------------------------------------------------------------
Mais de um terço da população da União Europeia não tem as competências básicas em tecnologias de informação e comunicação. Portugal está entre os países da UE com maior nível de iliteracia digital, logo a seguir à Grécia, Itália, Hungria e Chipre. (2006-06-20)
Desenvolvimento: http://tek.sapo.pt/4M0/675721.html


António Regedor
publicado por antonio.regedor às 22:50
link do post | comentar | favorito
|
Sexta-feira, 4 de Agosto de 2006

edições de praia

O início de um novo período de férias, é um optimo momento para iniciar a leitura de um livro de lazer. Depois de passar o ano a ler essencialmente livros técnicos, sabe bem mudar de registo. Passar para a ficção.
A escolha não foi dificil. Sei que podia ter passado pela Biblioteca e escolhido uma dúzia para ir lendo ou rejeitando segundo a disposição e a impressão que o livro fosse produzindo desde as primeiras páginas. Era assim que fazia habitualmente. Desta vez parti de um livro que comprei. Tinham-me emprestado um livro, gostei imenso de o ler. Num dos meus passeios habituais pelas livrarias comprei do mesmo autor um outro livro. As minhas escolhas vão sendo assim. Ao sabor do fado. Nada sistemáticas.
Mas ao abrir o livro percebi que não estava feito para a minha idade. É que com a idade vamos vendo cada vez menos. Passamos a ter maior dificuldade em ler ao perto. E o tamanho da letra pode ser um inibidor. Reparei que a editora tiha feito este livro para quem ainda tem boa visão, e não para mim que ando a resistir ao uso de óculos.
Arrisco a dizer que o tipo 14 é o idal para qum se inicia nas dificuldades da visão e que ainda quer ler livros em lugares para onde não dá jeito levar os óculos. São lugares como a praia, o campo, a mesa do bar.
Poderíamos pensar em edições de praia e esplanada com letra 14.
Não acham que seríamos mais a ler?
publicado por antonio.regedor às 16:09
link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Agosto 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.tags

. todas as tags

.favorito

. Tanto tempo e tão pouco ...

. Rebooting Public Librarie...

.links

blogs SAPO

.subscrever feeds